Carreira Vídeos

[Vídeo] Você é um profissional intraempreendedor?

Você é um profissional intraempreendedor?

Profissional Intraempreendedor possui uma capacidade diferenciada de analisar cenários, criar ideias, inovar e buscar novas oportunidades para empresas, eles estão sempre pensando em como melhorar algo, como gerar mais lucro, ou como diminuir os custos.

Podem ser confundidos erroneamente por alguns como “puxa-sacos”, “metidos a dono da empresa”, mas eles fazem parte daqueles 20% que são os que de fato geram lucro e normalmente são aqueles 20% que ganham os melhores salários também, é questão de tempo o reconhecimento do profissional intraempreendedor, ele não passa desapercebido, seu comportamento e sua atitude são singulares.

profissional intraempreendedor

Profissional Intraempreendedor

Porém, o jogo começa a ficar bonito quando a empresa dá lugar para essa pessoa crescer e fazer acontecer, não é toda empresa, nem toda chefia que está preparada para lidar com esse perfil profissional, alguns adoram, outros odeiam, o fato é que um profissional com essas características nunca ficará muito tempo em uma empresa que não permita ele ser quem ele é, um intraempreendedor.

O que difere ele do empreendedor é que ele não precisa ter sua empresa para agir e pensar como dono, ele se sente dono do seu departamento, responsável por gerar lucros e motivar os funcionários, são profissionais que se destacam por amar o que fazem, apesar de normalmente ganharem bem, isso de fato é consequência da dedicação e da gestão que esse perfil profissional exerce.

Quando cruzar com esse tipo de profissional será muito fácil identificá-lo, ele tem brilho nos olhos, em geral não tem muito horário certo, ele é movido por resultados.

Características marcantes são:

  • Inquietação
  • Inovação
  • Facilidade para pedir perdão, mais do que permissão
  • Percebem oportunidades onde a maioria só consegue enxergar dificuldades
  • São proativos e autoconfiantes.
  • Os “Nãos da vida” não os paralisam, pelo contrário os motivam a se superarem.

Para manter esse perfil profissional a alta administração precisa estar disposta a abrir mão da sua rigidez e do conservadorismo nos processos de tomada de decisão, permitindo que seus colaboradores opinem e sugiram melhorias.

Quando o profissional consegue transferir essa competência para as equipes de trabalho o sucesso é garantido e nenhum concorrente é capaz de deter uma equipe intraempreendedora, porque o foco deixa de ser o dinheiro para ser algo de outro nível, difícil de ser explicado ou compreendido, mas muito fácil de ser percebido.

Finalizando esse artigo, como você tem lidado com os “NÃOS” da vida?

Acredito que você vai gostar  de refletir um pouco sobre isso, clique aqui para ver o que escrevi sobre esse assunto.

Até a próxima!

Janaína Lima – Coach de Carreira

 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!